sábado, 1 de dezembro de 2007

Então queres ser Escritor?

se não sai de ti a explodir
apesar de tudo,
não o faças.
a menos que saia sem perguntar do teu
coração da tua cabeça da tua bocadas tuas entranhas,
não o faças.
se tens que estar horas sentado
a olhar para um ecrã de computador
ou curvado sobre a tua
máquina de escrever
procurando as palavras,
não o faças.
se o fazes por dinheiro ou
fama,
não o faças.
se o fazes para teres
mulheres na tua cama,
não o faças.
se tens que te sentar e
reescrever uma e outra vez,
não o faças.
se dá trabalho só pensar em fazê-lo,
não o faças.
se tentas escrever como outros escreveram,
não o faças.
se tens que esperar para que saia de tia gritar,
então espera pacientemente.
se nunca sair de ti a gritar,
faz outra coisa.
se tens que o ler primeiro à tua mulher
ou namorada ou namorado
ou pais ou a quem quer que seja,
não estás preparado.
não sejas como muitos escritores,
não sejas como milhares de
pessoas que se consideram escritores,
não sejas chato nem aborrecido e
pedante, não te consumas com auto--devoção.
as bibliotecas de todo o mundo têm
bocejado até adormecercom os da tua espécie.
não sejas mais um.
não o faças.
a menos que saia da
tua alma como um míssil,
a menos que o estar parado
te leve à loucura ou
ao suicídio ou homicídio,
não o faças.
a menos que o sol dentro de ti
te queime as tripas,
não o faças.
quando chegar mesmo a altura,
e se foste escolhido,
vai acontecer
por si só e continuará a acontecer
até que tu morras ou morra em ti.

não há outra alternativa.
e nunca houve.


Charles Bukowski

Tradução de manuel a. domingos

3 Comments:

Manuel Marques said...

A minha poesia sai sempre de rajada... só depois é que me ponho a olhar para o que escrevi e surpreendo-me sempre com o que lá vejo... fui eu? Nem me lembro das influências, do que li, do que falta ler, apenas escrevo sem pensar... a famosa escrita automática... chamem-lhe o que quiserem... mas é assim que eu escrevo...

Grande, enorme este poema!!!

Randomsailor said...

O E�a de Queir�s revia milhares de vezes os textos dele. Ainda bem que o fez! E este � s� um exemplo...

Andreia Ferreira said...

Amén! :)
***