segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Do caderno da Loucura, made in Pensamento





A audácia da esperança é admirável!

2 Comments:

Manuel Marques said...

Não te preocupes com o vazio das propostas que seguem pelos teus ouvidos, parando num qualquer recanto da alma. Sabes essas linhas que uma cigana poderia ler melhor que eu, prenunciam algo ainda mais poderoso, algo que os fará arrepender-se, eles que vivem no imediatismo do lucro fácil, das fantasias imberbes da carteira cheia, provavelmente de um caixão com mogno especial e conforto para corpos inertes. Outrora vazios de esperança. Ao olhar para as tuas mãos, não sinto um caixão adornado, apenas aquela árvore num floresta virgem, crescendo até ao infinito, da esperança, da dança junto dos deuses que tudo podem, pela audácia, pela coragem de não se limitarem ao desejo material e tantas vezes insignificante... ah sim, tens razão a audácia da esperança é admirável, aproveita-a enquanto eles não se lembram de a legislar e ainda assim... (foi apenas um pequeno devaneio...) Beijos!!!

Scoya said...

E intensamente abrangente.